Na reta final

0

Por Giba Um

Dentro de poucos dias chega ao fim a novela A Força do Querer. Aproveitando o clima de descontração a atriz Isis Valverde, brinca nos bastidores. No seu Instagram postou uma foto ao lado de Juliana Paes onde ambas aparecem como sereias. Na legenda: “Bibi larga o tráfico e vai viver de sereia em Guaratiba com Ritinha e Ruyzinho”. E claro recebeu uma chuva de elogios.

Conversa noturna

O presidente Michel Temer se encontrou com Eunício Oliveira (PMDB-CE) na casa do presidente do Senado na noite de segunda-feira (dia 16) véspera da votação que decidiria a situação de Aécio Neves. Segundo Eunício, Temer foi conversar sobre outros assuntos, que o nome de Aécio nem foi tocado. “Ele veio aqui para atualizarmos as conversas após a minha viagem à Rússia. Explicou um pouco a história do advogado da denúncia e disse que não foi proposital a declaração dele sobre os vídeos do operador financeiro Lúcio Funaro”. Há quem diga que Aécio seria facilmente derrotado no plenário, e Temer não gostaria que isso acontecesse.

É brincadeira

Há quem garanta que a suposta briga do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, com Eduardo Carnelós, advogado do presidente, que teria causado um estremecimento na relação de Maia e Michel Temer, não passa de encenação. Tudo teria sido criado para tentar fortalecer a imagem de Maia, para que consiga mostrar “supostamente” sua independência. O nome do presidente da Câmara já está sendo apontado como candidato ao governo do Rio. Seu pai, César Maia abriria mão de sua candidatura em prol do filho. Mais: todos sabem que Michel Temer gosta de Maia e que não entraria em confronto com ele logo agora, até porque seu amigo e ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco, não deixaria. Franco é um sogro postiço de Rodrigo Maia.

O outro lado

O nome de Rodrigo Maia para o governo do Rio surgiu de uma suposta conversa de aliança do PMDB e DEM. Eduardo Paes e César Maia não se bicam, e com isso, uma possível coalizão não seria possível. Aliás, César Maia, há dias, declarou que descarta qualquer tipo de aliança com o PMDB.

Apelidos

Nos corredores do Supremo Tribunal Federal, atribuiu-se ao ministro Gilmar Mendes dois apelidos que circulam sobre a Primeira Turma da Alta Corte. Um é “câmara de tortura”, outro é “gaiola das loucas”.

Pílula da fome

O prefeito João Doria agora diz a farinata que quer distribuir à população carente não substitui refeições: é um suplemento alimentar, que o Arcebispo D.Odilo Scherer, que apoia o programa Alimento para Todos, garante não ser a “pílula da fome”.

Traje

A Lide, agora tocada pelo filho de João Doria, realiza dois jantares para empresários no Paraguai nesta semana, com trajes obrigatórios. Amanhã, homens e mulheres deverão usar “tons de azul”; sexta-feira, homens “com terno preto e gravata” e mulheres, “elegantes, de vermelho”.

88 anos

Considerada a primeira-dama do teatro brasileiro, Fernanda Montenegro acaba de completar 88 anos de idade – e em plena forma (estará na novela O Outro Lado do Paraíso). Comemorou com um churrasco em família, na casa da filha Fernanda Torres, que está no elenco de Filhos da Pátria.

Novo produto

O Planalto prepara campanha publicitária que pretende apresentar o governo como um “novo produto”: será dedicada apenas às redes sociais.

Suspeição

O Supremo Tribunal Federal deverá (novamente) julgar a extradição ou não de Césare Battisti. O ministro Luís Roberto Barroso deverá alegar suspeição e não participará da audiência. Barroso atuou como advogado de defesa do italiano ao lado de Luiz Eduardo Greenhlgh, em 2009 quando a mesma Corte autorizou a extradição, que foi ignorada pelo ex-presidente Lula.

Dublando

A atriz Angelina Jolie, considerada uma das musas do cinema atual, não quer voltar a atuar: está trabalhando em algumas produções, como diretora ou produtora. Seu próximo trabalho será de dubladora da elefantinha Stella na animação The One and Only Ivan. O filme é inspirado no livro de mesmo título, escrito por Katherine Applegate.

Sem atualização

Sempre ativo nas redes sociais, o deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), não atualiza seu facebook desde o final de agosto. Dias depois, seu irmão Geddel Vieira Lima foi preso, novamente, pela operação Lava Jato.

Festa

O site Alerta Leblon prepara uma manifestação para o dia 17 de novembro em frente ao prédio onde Adriana Ancelmo está cumprindo prisão domiciliar. A manifestação terá fogos de artifícios e até uma banda, tudo para “comemorar” um ano de prisão do ex-governador Sérgio Cabral.

Medo

O senador afastado Aécio Neves teme perder o mandato. Fez um apelo para que possa se defender antes de ser julgado. O mineiro ficou sabendo que existe um grupo que estava articulando sua derrota. Antes de apelar para sua defesa, Aécio consultou Sepúlveda Pertence, para saber se era possível esta apelação. O ex-presidente do Supremo acenou que isso positivamente.

Perdido

Nos últimos dias, o senador afastado Aécio Neves estava totalmente transtornado. Com a possibilidade de ser afastado de vez do plenário, não sabe o que irá fazer. Alguns amigos o aconselharam, caso o afastamento seja confirmado, que ele retome a presidência do PSDB, para ter algo para fazer. No momento, nem pensa nessa possibilidade.

Para cachorro

Opinião de Lula sobre o projeto alimentar de João Dória, apoiado pela Igreja Católica: “Já vi muita coisa nesse país, mas um representante da elite brasileira pegar resto de comida em restaurante e mandar fazer uma raçãozinha, como a ração que se dá para cachorro, e achar que o filho de pobre tem que comer aquilo, não é respeitar as pessoas humildes desse país”.

Com metralhadora

Na semana passada, teve arrastões na Ponte do Morumbi, em São Paulo: os ladrões assaltavam motoristas e pulavam uma cerca para entrar no meio do trânsito e sair. Esta semana, numa rua próxima da mesma ponte, novos arrastões e num deles, o bandido carregava uma metralhadora.

Secretos

O Palácio do Jaburu acaba de decretar que almoços e jantares que aconteçam lá não serão incluídos obrigatoriamente na agenda presidencial. Alguns alegam que é uma questão de segurança, outros que é para dar privacidade ao presidente (o Jaburu é uma escolha, não seria a residencial oficial do Chefe do Governo) e o que importa mesmo é que a mídia não tenha acesso aos comensais, sejam de qualquer tipo, origem e intenções.

Não me abandonem!

No domingo passado, em meio a seu programa de televisão Silvio Santos, 86 anos, fez um inusitado apelo a seus telespectadores: “Vocês que estão em casa, não troquem de canal. Porcaria por porcaria, fiquem aqui no SBT”.

Duração

Deve durar quase três dias a discussão do relatório da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer na CCJ da Câmara. Até a manhã de ontem já haviam mais 130 inscritos que tinham a intenção de falar.

Avesso do avesso

Moradores da Rocinha, no Rio que tiveram suas casas atingidas por balas, se comprovadas poderiam pedir uma indenização de até R$ 140 mil do Exército. Só que não o fazem: tem medo de ganharem a causa e ter sua quantia tomada por traficantes.

Virou pizza

No domingo, jantaram juntos o presidente da Câmara, Rodrigo Maia e o ministro da Secretaria do Governo, Antonio Imbassahy. A conversa foi em torno das gravações do depoimento de Lúcio Funaro, liberadas pelo Supremo (não foi vazamento). Combinaram que os dois lados não iriam mais fazer comentários sobre o assunto. Imbassahy, à propósito, até confirmou a Maia que deverá mesmo ser candidato ao governo da Bahia, no ano que vem.

Loteria

“O que não pode no Direito é loteria. O que não se pode no Direito é a figura mais importante ser o computador, que distribui para o ministro A ou B. Se for para A, tem liminar. Se for para o B, não”. Era Alexandre de Moraes, ministro do Supremo, falando sobre sorteio de ministro em pedidos de liminares contra prisão depois da condenação em segunda instância, no 21º Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Cargas, em São Paulo.

Olho em 2018

O Financial Times analisa as próximas eleições presidenciais no Brasil: “Ninguém tem a menor ideia de quem será o próximo presidente do Brasil. O surgimento de figuras periféricas como Sr. Bolsonaro revela o tamanho do vácuo”. Depois diz que, “ainda mais preocupante para os mercados seria o retorno do impenitente Sr. Lula da Silva”. E cita João Doria, que “tem como modelo o bilionário de Nova York Michael Bloomberg” e “seu ex-padrinho e atual rival Geraldo Alckmin”.

Na pele de Hebe

A série Assédio, de Maria Camargo, que contatará a vida de Roger Abdelmassih, começará a ser gravado em novembro. No papel principal Antonio Caloni. Leandra Leal viverá uma jornalista. O papel a mulher da Roger ficou com Paola Oliveira. Outra pessoa que ganhará destaque será Vera Fischer, que viverá Hebe Camargo, amiga do médico. A série será dirigida por Amora Mautner.

Chileno

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, viajou para o Chile, onde nasceu, para encontro com parlamentares e a presidente Michelle Bachelet. Ou seja: fica fora justamente quando a CCJ vota o parecer de Bonifácio de Andrada recomendando a rejeição da segunda denúncia contra Michel Temer.

Filho de Cabral

O Ministério Público Federal do Rio está acusando o deputado federal Marco Antonio Cabral de improbidade administrativa, apontando irregularidades deles nas visitas ao pai, Sérgio Cabral. Visitou o ex-governador 29 vezes entre novembro e abril e em 23 delas usou a prerrogativa parlamentar. Visitas foram feitas fora dos dias e horários permitidos. O MPF diz que em alguns dias em que Marco Antonio esteve ausente da Câmara, coincidem com dias de visitas ao pai e não há registro de descontos pelas ausências.

Vai de gosto

O secretário da Assistência Social de São Paulo, Filipe Sabará, comeu e não gostou do suplemento alimentar que João Doria quer distribuir entre os mais pobres. Torceu o nariz e sapecou: “Vai do gosto de cada um”.

Na gaveta

Há dois anos e quatro meses, a ministra Rosa Weber mantém no cargo o juiz Girão Barreto, que deveria ter sido afastado por decisão do Conselho Nacional de Justiça. O órgão condenou Girão por envolvimento em irregularidades em licitação no Fórum de Boa Vista. União e MPF já se manifestaram a favor da aplicação imposta pelo CNJ. Só que o Supremo esqueceu em alguma gaveta.

Zero

Na abertura do Dubai Investment Week, o prefeito Marcelo Crivella conversou com o sheik Maktoum Ibin Mohamed Al Maktoum, que não tem nenhum plano de investimento no Rio de Janeiro. Foi a mesma coisa que aconteceu durante as viagens de Crivella para Moscou e Roterdam.

Contra Moro

Lula resolveu usar o inventário de Marisa Letícia para atirar contra Sérgio Moro. Anexou ao plano de partilha a ação por danos morais movida pela ex-primeira-dama contra o juiz. Marisa, Lulinha e a nora Renata pediram R$ 300 mil de indenização por divulgação de conversas pessoais. Numa delas, Marisa Letícia manda os coxinhas que saíram às ruas protestarem contra o governo “enfiarem suas panelas no c…”.

Praga

Nesses dias, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia conversava com deputados mais chegados sobre a possibilidade de Henrique Meirelles, ministro da Fazenda, ser candidato ao Planalto. “Só quero ver o Meirelles aguentando pedido de deputado…”. Maia até aguenta socialmente Meirelles, mas não suporta mesmo o titular da Fazenda. E esse sentimento é recíproco.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here