Ao pé da letra

0

Por Marcos de Vasconcellos

O ipanemense Edgar (Gaga) Paranhos, ex-piloto, agora decorador, é o sujeito mais meticuloso do mundo, acreditando, como ensina o mestre alemão Mies Van Der Robe, que “Deus está nos detalhes”.

Há alguns anos, arrematando a obra de um restaurante que tinha projetado no final do Leblon – chamado Cavalo Marinho – ordenou ao mestre português:

– Eu quero o “O” do final do Cavalo Marinho terminando exatamente aqui, no eixo deste pilar.

Tarefa difícil espaçar corretamente as letras douradas do letreiro e o nosso luso pediu instruções:

– Mas seu Gaga, como é que eu faço para acabar aqui, direitinho?

Gaga explicou o óbvio:

– Ora, Manuel, comece pelo fim, de trás para a frente.

Quando voltou para inspecionar o trabalho, leu: OLAVAC OHNIRAM.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here